Documento sem título

Eleições 2012: para onde vai o PP?

O cenário para as eleições municipais está fechando. Pelas conversas dos últimos dias..

Jean Kuhlmann e os anões

O deputado estadual Jean Kuhlmann (PSD) encabeça a chapa. No presente momento, Edson Brusnfeld (PR), atual secretário de Edson Brunsfeld (sim, criaram uma secretaria só para ele) seria o vice. Como nenhum grande partido se uniu ao candidato do governador e do atual prefeito, a piada é que a chapa se chama Kuhlmann e os Sete Anões.

A tríplice aliança voltou

Para quem duvidava que a tríplice aliança fosse sair, aí está. Mas não do jeito que a maioria pensava. Napoleão Bernardes, o  pré-cadidato tucano sempre teve o DEM e agora tem o PMDB, que não aceita coligar com o PR de Brunsfeld.  Resta saber quem será o vice: Jovino Cardoso ou César Botelho. Eu ainda duvido que Marcelo Schrubbe esteja mesmo na parada. Ele é kleinubinguista demais para uma chapa “intermediária”.

As negociações na oposição…

O PT trabalha para compor uma aliança com os partidos ditos de esquerda em Blumenau: PDT, PCdoB, PV e o novo PPL. Dos quatro, eu vejo PV e o PPL próximos do petismo. Já com os outros dois, a situação é diferente.

Ivan Naatz é, na verdade, o primeiro pré-candidato de Blumenau. Fala isso desde a eleição de 2008. Porém, lideranças do PDT local (Benjamin Coelho e Roberto da Luz) falam em aliança fechada com o PT, lançando o vice da chapa. Naatz nega e diz ter o apoio do presidente estadual Manoel Dias, que anda emputeado com os petistas. Resta saber se Naatz conseguirá reveter o jogo por aqui. Ser candidato sem o apoio da legenda na cidade não faz muito sentido.

Já a situação de Zimmermann é mais tranquila. Vejo o professor univerisário hoje, com mais chances de ser a quarta via, principalmente depois das tuitadas de Roberto da Luz. Só uma intervenção de Manoel Dias para Naatz ser candidato.

Se este grupo não estiver junto no primeiro, com certeza estará no segundo. Ou alguém acha que a Ana Paula não vai estar lá?

O PSOL  indicará o metalúrgico Harmut Kraft como candidato a prefeito.

E O PROGRESSISTA?

O PP começou o ano com os boatos dando conta que fecharia com o PSDB. Depois, João Pizzolatti Neto, filho do deputado federal, virou o vice de Ana Paula. Agora, fala-se em aliança com o PSD, confirmando o cenário estadual.

Ninguém consegue arrancar a informação do comandante da legenda, o deputado Pizzoaltti. A sua decisão, talvez seja a grande novidade da política no mês de junho…ou teremos mais surpresas?

Produzido em WordPress | Por: Giovanni Ramos