Documento sem título

Lula veta nossa Mega-Sena

A notícia está sendo espalhada pelo twitter. O presidente Lula vetou o projeto que destinava recursos de uma mega-sena para os atingidos da enchente em 2008, proposta pelo senador Raimundo Colombo (DEM). Abaixo, a mensagem oficial da Presidência da República que comunica o veto:

Comunico a Vossa Excelência que, nos termos do § 1o do art. 66 da Constituição, decidi vetar integralmente, por contrariedade ao interesse público, o Projeto de Lei no 4.659, de 2009 (no 461/08 no Senado Federal), que “Autoriza a Caixa Econômica Federal a realizar concurso especial da Mega-Sena, com a finalidade de destinar recursos às vítimas das enchentes de Santa Catarina”.

Ouvido, o Ministério da Fazenda manifestou-se pelo veto ao projeto de lei conforme razões abaixo:

“Não obstante o mérito da proposta, o projeto exclui da divisão dos recursos arrecadados com o concurso especial da Mega-Sena os valores atribuídos à Seguridade Social e a investimentos em Esporte, Educação, Cultura e Segurança, e conferindo destinação redundante com o objeto do Fundo Especial para Calamidades Públicas – FUNCAP.

Ressalte-se, ainda, que, em 2008, foi editada medida provisória que abriu crédito extraordinário de R$ 1,6 bilhões para lidar com situações de calamidade pública no País, com destaque para o Estado de Santa Catarina. No mesmo ano, a defesa civil destinou, só para aquele Estado, R$ 360 milhões para atendimento às vítimas das enchentes e reconstrução das áreas afetadas.

Na oportunidade, também foram temporariamente reduzidas a zero as alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI incidentes sobre produtos destinados às vítimas das enchentes e autorizado o saque integral do saldo existente na conta vinculada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS, pelos residentes em Municípios atingidos.”

Essas, Senhor Presidente, as razões que me levaram a vetar o projeto em causa, as quais ora submeto à elevada apreciação dos Senhores Membros do Congresso Nacional.

COMENTÁRIO CONTROVERSO:

O Ministério da Fazenda também era contra o reajuste de 7,7% para os aposentados, mas Lula sancionou a lei de olho nas eleições em outubro. E surtiu efeito: Dilma lidera a nova pesquisa ibope, publicada hoje, com seis pontos de vantagem sobre Serra.

Mas em SC, Lula decidiu ouviu a Fazenda. Pior para a Ideli Salvatti, candidata do partido ao governo….

Produzido em WordPress | Por: Giovanni Ramos